Philco Hit: novo smartphone básico no pedaço

Philco Hit: novo smartphone básico no pedaço

2020 segue normal no mundo dos smartphones, com novas marcas entrando em um conhecido e disputado mercado: o da faixa de preço abaixo de R$ 1.000. Já tivemos a Nokia no começo da semana e agora é a vez da Philco, com seu Philco Hit.

A Philco é velha conhecida do consumidor brasileiro, tem grande presença no varejo – a marca existe no país desde 1934, quando vendia rádios. Hoje é parte da Britânia, que também é especializada em eletrodomésticos, e a Philco vende de TVs conectadas a panelas de pressão, agora é a hora dos smartphones.

O Philco Hit é o primeiro smartphone da marca, com configurações de entrada e apenas uma opção de cor (preto). Será seguido “em breve” por outros dois modelos com tela maior de 6″, mais opções cores (rosa e cinza, além do preto) e Android 10 de fábrica, o Hit Max (com 128 GB internos) e o Hit Plus (64 GB). O foco das vendas acaba sendo na base de varejo da Philco, com hipermercados e supermercados e também no online.

O preço sugerido do Hit é de R$ 999,90, mas a fabricante diz que varejistas já têm o produto com valores menores. Vendo o preço do produto, dá para se imaginar entrando em um Carrefour / Extra e vendo uma pilha de smartphone em promoção 🙂

Philco Hit PCS01: Especificações

  • sistema operacional: Android 9 (com promessa de update para Android 10 sem data definida)
  • chipset Unisoc SC9863A (octa-core 1,6 GHz)
  • 4 GB de RAM
  • 64 GB de armazenamento interno. Slot para cartão microSD de até 128 GB.
  • Tela de 5,45″HD+ (1440×720) 
  • Câmera traseira: 13 megapixels + sensor de profundidade de 2 megapixel, flash LED
  • Câmera frontal: 5 megapixels
  • Bateria: 4.000 mAh, recarregável com cabo microUSB
  • Entrada para fone de ouvido padrão 3,5 mm. 
  • Dimensões: 157,69 x 75,41 x 8,68 mm, 183 gramas
Escrito por
Henrique Martin
16 comentários
  • Pontos negativos do hit: sem NFC, Bluetooth 4.2, micro USB e Android 9– nem entendi o porquê de não vir logo no 10 ao invés de prometer um futuro update!! Que coisa!! Henrique Martin, tem alguma previsão de testar a linha completa do Philco Hit, principalmente o Plus e Max??? Pois no YouTube é quase inexistente reviews/unboxings do Hit– que já foi lançado!!

      • o J5 pro da minha esposa recebeu NFC… mesmo sendo praticamente um celular de entrada(?) pra epoca.

          • É algo que vinha na época e a samsung removeu, pois as pessoas ainda não usam em aparelhos de entrada.
            muitos anos atras eu tive um LG p698 e tinha até giroscópio e acelerômetro.

      • Isso não deveria resumir-se!!! NFC e Android atualizado tem que ser para toda a linhagem de smartphone– básico a premium!!!

        • Em um mundo ideal, deveria. Mas vá convencer as fabricantes… Pra elas, são só duas coisas que dá pra economizar, principalmente em smartphones baratos.

          • Ao invés de trazer rádio FM, seria mais lógico trazer NFC!!! Som estéreo?? Poderiam utilizar o alto-falante de chamadas como som secundário e assim tornaria mais viável curtir mídias em smartphones básicos e intermediários!!

  • Isso tá mesmo no patch de setembro do ano passado? Nem sabia que podia vender um aparelho tão desatualizado sem violar as regras do GMS.

    • A fabricante estuda atualizá-lo(modelo hit) para o Android 10, sem previsão de chegar em breve ou não!! Então…

  • Isto está igual ao Novo Nokia.
    A Philco (que sobrou somente o nome) virou Britânia que vende produtos de baixa qualidade.
    Os produtos desta empresa provavelmente são oriundos da china e embalados no Brasil.
    Este aparelho deve segui o mesmo caminho.
    Especificações limitadas.
    Um produto indicado para pessoas pobres que irão compra-lo em “12x sem juros”.

    • Smartphone bom com custo-benefício é o Elephone e10 à venda no Aliexpress por pouco mais de 100 dólares!! Caso tenha curiosidade, veja-o!! Algumas especificações: Wi-Fi 5 dual-band(2,4GHz/5GHz), 4GB/64GB, MediaTek P22, NFC, USB-C e Bluetooth 5.0!!! É o importado mais em conta a Philco Hit, no momento!!