iMacs 2021 | Tamagotchi + 📷 | Xbox + inclusão
Início » NEWSLETTER » iMacs 2021 | Tamagotchi + 📷 | Xbox + inclusão

iMacs 2021 | Tamagotchi + 📷 | Xbox + inclusão

RESUMO

Edição enviada em 23 de abril de 2021 aos assinantes da INTERFACES NEWSLETTER.

Bom dia,

Apple é o destaque da semana, como previmos na última edição. Mas essa Interfaces tem também os presos que usam o OnlyFans, Facebook fazendo coisas certas e erradas, fones de ouvido que são objetos de desejo e a excelente iniciativa da Microsoft ao lançar um controle para Xbox pensando em inclusão.

Semana que vem tem Samsung (e o mist̩rio segue sem muitos vazamentos) e uma surpresinha desta Interfaces com a Novelo (tem a ver com os Techtubers). Boa leitura e at̩ mais РHenrique e Samir.

ELETRÔNICOS DE CONSUMO

IMAC DE VOLTA ÀS CORES, AGORA COM M1

A Apple centralizou as atenções na semana com seu primeiro evento de 2021 – online e com cenas do Apple Campus e um pouco dos seus laboratórios. O que teve de novidade:

  • iMacs coloridos, ultrafinos e com chips M1. É uma homenagem/retorno aos iMacs de 1998 da era Steve Jobs (e seu primeiro grande hit após voltar ao cargo de CEO).
  • iPads Pro (11 e 12,9 polegadas), também com chip M1 (falta quanto para o iPad Pro se tornar um tablet profissional com Mac OS?), 5G e, no modelo maior, uma tela Liquid Retina XDR cheia de superlativos. É para profissionais mesmo, não para meros mortais, atendidos perfeitamente pelos modelos mais simples. Seria isso algo resolvido com um MacBook com tela touch?
  • AirTags, os rastreadores integrados à rede “Find My” (ou “Buscar”) que usa a rede de milhões de iPhones mundo afora – de forma anônima – para localizar coisas, de uma chave a um cachorro perdido. As prévias são bem interessantes e levantam uma grande questão de privacidade.
  • Apple TV 4K e um controle remoto novo. Uma cor nova para iPhone 12, roxo, e sistema de assinaturas para podcasts.

Como todo lan̤amento de produto, a Apple mexe com competidores Рaqui, a Tile (que faz um AirTag gen̩rico faz tempo) vai reclamar bastante.

E ver os produtos com preços em reais segue um exercício de entendimento do que é a economia do Brasil em 2021: o iPad Pro de 12,9” com 2TB de armazenamento e 5G é o mais caro do mundo, e a cotação do “Dólar Apple” segue em alta (R$ 10 x US$ 1 no preço dos iPhones, R$ 13 nos demais produtos). Saudades do iMac original em 1998, que vinha com pôster na caixa.

Em notas paralelas, a Quanta Рfabricante de MacBooks e outros produtos Apple Рfoi hackeada e os bandidos come̤aram a divulgar documentos que parecem ser reais em troca de resgate. Ao menos os desenhos dos iMacs rec̩m-anunciados ṣo similares, e os arquivos revelados por enquanto tamb̩m citam um notebook com novo design, com mais portas.

iPad Pro está a um passo de ser o MacBook ideal (falta só o Mac OS). (Apple/Divulgação)

QUEDA DE BRAÇO

A aquisição da ARM (inglesa) pela NVidia (americana) levantou questões de segurança nacional no Reino Unido e a uma investigação mais a fundo até o final de julho.

VIVA O INTERMEDIÁRIO

A Nokia segue com sua estratégia de lançar aparelhos intermediários no Brasil – esta semana foi o Nokia 5.4, que tem preço sugerido de R$ 1.999 e é o primeiro a ser vendido em operadora no país (Vivo). A companhia também lançou seus primeiros fones de ouvido por aqui, os Nokia Power Earbuds Lite, por R$ 399.

CARREGADOR DA DISCÓRDIA

Apple e Samsung receberam uma cartinha do governo brasileiro (Secretaria Nacional do Consumidor) sobre a aus̻ncia de carregadores nos modelos topo de linha das marcas Рo Termo de Ajustamento de Conduta prop̵e a volta do carregador na venda dos smartphones ou san̵̤es de at̩ R$ 10 milh̵es.

VIDA NOVA

A Samsung lançou o beta público do programa Upcycling para transformar smartphones antigos da marca em gadgets de internet das coisas, como monitor de bebês ou detectores de iluminação.

Apesar de restrito a Coreia do Sul, Reino Unido e EUA, Henrique jura que viu uma publicação da Samsung Brasil no Instagram falando do programa por aqui (com um belo asterisco de “pode não estar disponível na sua região”).

TEM DOIDO PARA TUDO

Colecionadores de smartphones LG: sim, eles existem. E a gente achando estranho nossos amigos que colecionam caixas das coisas que compram.

ENQUANTO ISSO, LÁ FORA

A Sony lançou na Europa uma edição limitada dos fones WH-1000XM4 em “branco silencioso”. No Japão, por algo em torno de US$ 138, já dá para comprar a segunda versão do ar-condicionado portátil Reon Pocket 2 e encaixar embaixo da roupa para se refrescar.

Já a Bowers and Wilkins anunciou nos EUA fones de ouvido sem fios com um diferencial inédito: um acessório para conectar ao sistema de entretenimento dos aviões e usar os fones da marca.

“Branco Silencioso” é a cor da edição especial dos fones da Sony (Sony/Divulgação)

NOVA NO SEGMENTO

A Britânia agora vende TVs conectadas, com preços camaradas e sem loja de apps.

BERÇO

Somos fascinados pelo mercado de… colchões. As lojas na rua parecem que nunca tem ninguém dentro (apesar de todos precisarmos de um colchão) e as marcas exclusivas online vêm melhorando seu jogo: a Zissou lançou um colchão high-tech (Zissou Blue) que cria um “micro-clima” que ajuda a refrescar o corpo à noite – preços começam em R$ 8.930 (!)

SORRIA

Em 2021, até o Tamagotchi tem câmera integrada para você (ou seus filhos) tirar selfies com o bichinho virtual de estimação.

O bichinho virtual pode ser trocado por um smartphone com Pou instalado (Bandai/Divulgação)

ACHADOS AMAZON DA SEMANA

CULTURA DIGITAL

QUEM VIGIA OS VIGILANTES?

A Cellebrite ficou famosa por desbloquear o conteúdo de smartphones protegidos por senha. Agora os desenvolvedores do app Signal, de mensagens protegidas, tiveram acesso a um kit de invasão da Cellebrite e descobriram que a ferramenta (hardware e software) é passível de modificações e invasão que pode comprometer até os smartphones verificados pela máquina.

MÁ INFLUÊNCIA

Uma reportagem do Núcleo mostra como influenciadores brasileiros geram engajamento artificial com sorteios no Instagram.

DEMOROU

O Twitter finalmente lançou a funcionalidade de mandar fotos em resolução 4K nos tweets – até então, as fotos compartilhadas sofriam com resolução e compressão ruins. Em tempo: o Twitter ficou mais calmo (na medida do possível) nos primeiros 100 dias sem Donald Trump na plataforma.

ESTOU SENDO OBSERVADO?

A função de status do WhatsApp serve para mostrar se seus contatos estão online e para seus stalkers também acompanharem seus passos.

O QUE O TIKTOK FEZ ERRADO NESTA SEMANA?

Bem, seus usuários na verdade: alguns espertinhos descobriram brechas no sistema para publicar vídeos inadequados na rede das dancinhas. TikTok diz que está apagando contas e o material publicado.

O QUE O FACEBOOK FEZ CERTO ESTA SEMANA?

Conseguiu restringir o discurso de ódio durante o julgamento do ex-policial Derek Chauvin, condenado por matar George Floyd. Mas se funciona uma vez, deveria funcionar sempre, certo?

O GALINHEIRO FICA DESPROTEGIDO…

Quando deixam a raposa tomar conta dele ou, no caso do Brasil, ter um executivo do Facebook sendo indicado para participar do conselho nacional de proteção de dados. Ou no Azerbaijão, onde o governo usou brechas no Facebook para criar falso engajamento. Argh.

SOM LIVRE

Agora todo mundo lançou seu clone de Clubhouse mesmo: Facebook trouxe novos recursos de áudio, o Reddit também (!) e, bem, será que o Clubhouse é tudo isso mesmo?

VOCÊ SABIA?

Quais são as músicas mais ouvidas na história do Spotify? Que tem uma “coisa” do Spotify para ouvir no carro? E que a Apple Music diz que paga mais para os artistas em comparação ao Spotify, mas no fim das contas é tudo a mesma coisa?

ELE VOLTOU

Conforme previsto, o Quibi renasceu como um canal de streaming da Roku, agora com o nome Roku Originals. Torcendo para a Roku lançar no Brasil para podermos ver a série da moça com braço de ouro.

BLOGS QUE DIZEM NÃO

O WordPress, que move grande parte da internet comercial hoje em dia, enxerga a tecnologia FloC, do Google, como um “problema de segurança” e que pode bloquear seu uso por padrão em sites que usam a plataforma de publicação (site da Interfaces incluído).

NFTS DA SEMANA

PACK DO PRESINHO

No México, até os presidiários têm contas (ilegais) no Only Fans para bancar suas despesas dentro da cadeia.

ADOTE UM AMIGO

Da série “tudo é um superapp, ninguém é um superapp”, agora clientes da Vivo em algumas cidades podem ver sua conta do mês e adotar um cão ou gato.

Ah sim, o termo superapp está em nosso tribunal e deve ir para a cadeia das palavras proibidas na Interfaces (junto de inova***, pivot****, disru****). O que acham?

NÃO RASTREOU

Nos últimos meses, todo smartphone novo que o Henrique testou vinha com uma sugestão de instalar o app Coronavírus do SUS para rastreamento de contatos. Até hoje, não rastreou nada e o app é considerado uma falha. Mais uma, no caso da Covid-19 no país.

TAMANHO DO FANDOM

Juliette Freire, ainda participante do BBB, já é rica (ao menos em seguidores) antes de sair da casa.

RESSUSCITOU

A Apple vai permitir que a “rede social livre” Parler volte a fazer parte da App Store, com conteúdo compatível com as regras da empresa. Quanto tempo será que dura no ar?

GAMES

ACESSIBILIDADE GAMER

A Microsoft trouxe seu controle adaptável (e, portanto, acessível para pessoas com deficiência) ao Brasil. Por R$ 1.000 você pode comprar o controle que também funciona como um hub, com portas USB e de fones de ouvido.

Controles customizáveis permitem que mais pessoas possam jogar (Microsoft/Divulgação)

INSTA-PIKA

Esse Pikachu solta um Choque do Trovão diferente… um flash, já que se trata de uma câmera Instax, fruto da parceria da Fujifilm com a Nintendo.

E AÍ, BELEZA?

Animal Crossing e The Sims são os principais exemplos de videogames com a presença de marcas de cosméticos e de beleza. A Elle explicou um pouco as razões desse investimento, que passa pela transformação da imagem do gamer, e da demografia desse público consumidor, majoritariamente feminino em alguns lugares.

DISCORDARAM E CONCORDARAM

Depois do alarde do ban em servidores com conteúdo adulto no Discord, o app e a Apple chegaram a um acordo e usuários de iPhone poderão acessar os espaços antes proibidos.

SE VIRA NOS 30

Quando a plataforma não ajuda, os pequenos produtores de conteúdo, de nicho ou criadores trans que tentam romper as bolhas criadas pelas estruturas da plataforma… ferramentas ajudam a bolha a ser furada.

CRESCENDO NA ADVERSIDADE

Um dos motivos para o crescimento da ind̼stria de games no Brasil foi a pandemia. Com o isolamento social, as pessoas se conectaram mais pelos games Рou se isolaram.

INSISTÊNCIA CUSTOSA

Temos mais um sinal de que a Amazon está dando um passo maior que a perna com sua divisão de games (e olha que as pernas da Amazon são ENORMES): a adaptação de O Senhor dos Anéis para game foi cancelada.

0800

Veja como baixar Horizon: Zero Down por zero reais tanto no PS4 quanto no PS5.

PSVIDEO

Em vez de focar na criação de um ecossistema duradouro, interessante e barato de jogos, a Sony parece estar trabalhando também em cima de streaming de vídeos.

LEITURAS LONGAS

FAST FOOD

NaWired, duas histórias sobre hackers: a da dupla que criou um dispositivo conectado que libera recursos secretos da máquina de sorvetes do McDonalds e a esperança (ou desespero) por um mundo real modificado pela inteligência artificial.

VENCEDOR

No Verge, uma lembrança dos notórios Asus eeePCs, os primeiros netbooks.

TIRADO DO NADA

Uma mostra no Museu de Ciência de Londres vai mostrar produtos (garrafas de vodca, tubos de pasta de dente) feitos com captura de carbono direto do ar, no Guardian.

QUER TC?

No Buzzfeed News, a busca eterna por digiar, quer dizer, digitar direito.

DAVI E GOLIAS

A pesquisa acadêmica precisa encontrar as Big Tech ou ficar longe delas?

TECHBIZ

DEIXA A FRENTE E PICA ATRÁS

A Amazon (sim, a Amazon) abriu um salão de cabeleireiros em Londres. Tudo para brincar com realidade aumentada com cores nos cabelos e experimentação de produtos- e deve abrir ao público geral em breve – ainda é restrito a funcionários.

PODER

Na semana passada foi o Magalu comprando o Jovem Nerd. Agora foi seu CEO, Fred Trajano, que agora é dono de 25% do site Poder360, que cobre política. Será Trajano um Jeff Bezos (na sua relação distante com o Washington Post) do Brasil?

(*erramos: o nome de Fred Trajano foi grafado errado no e-mail)

VIDEOCHAMADA

O Google Meet ganhou um banho de loja com nova interface, zoom automático e novos recursos. E uma pesquisa da Microsoft indica: se reuniões online te deixam estressado, tire pequenas folgas durante o dia (e uma nova versão do Outlook te ajuda a fazer isso, claro).

YOLO

Nos EUA, quem não está definhando com a quarentena está largando emprego para viver a vida louca. Que inveja (até a realidade se impor).

INTERFACES circula por e-mail toda sexta-feira de manhã. 

Para assinar, clique aqui.

Este post contém links de associados para a Amazon Brasil. Caso você compre algo, Interfaces pode receber uma comisão.