200 megapixels | Telhas solares | Polaroid vive
Início » NEWSLETTER » 200 megapixels | Telhas solares | Polaroid vive

200 megapixels | Telhas solares | Polaroid vive

RESUMO

Edição enviada em 03 de setembro de 2021 aos assinantes da INTERFACES NEWSLETTER. Assine e receba toda sexta de manhã.

Oi, tudo bem? Antes de tudo, quero dar as boas-vindas ao monte de novos assinantes que vieram via Braincast. Essa edição tem Apple e Google em processos antitruste, um mistério na internet chinesa e uma TV em formato diferente. E uma teoria da conspiração sobre minha série favorita no momento (Ted Lasso).

Boa leitura, indiquem a Interfaces para os amigos e até semana que vem – Henrique (o Samir saiu para comprar cigarro). 

ELETRÔNICOS DE CONSUMO

MUDANÇAS

O poder de lojas de apps parece dar seus primeiros passos rumo a mudanças, e a iniciativa vem da Ásia. A Coreia do Sul aprovou uma lei que reduz os poderes de Apple e Google ao cobrar comissões na compra dentro de apps e games (os famosos 30%), com uma maior abertura para o uso de outros meios de pagamento

No Japão, a Apple fechou esta semana um acordo com o governo permitindo que alguns desenvolvedores (como a Netflix) possam passar por cima da taxa Apple e cobrar diretamente pelas assinaturas em um site, sem precisar passar pelo sistema de pagamentos da App Store. 

Mas é algo válido apenas para serviços que não têm um nível gratuito de serviço, como streamings (menos o Spotify, que tem uma versão grátis com anúncios) e outros classificados como “apps de leitura”. E será adotado para desenvolvedores em todo o mundo, o que é bom, de certa forma

De qualquer modo, a notícia não isenta Apple (ou Google) de continuarem a serem investigados nos EUA e Europa por práticas antitruste. Mas é bom para os desenvolvedores que podem ter uma maior margem e, quem sabe, repassar isso em forma de desconto para o consumidor (ou reafirmar a cultura de dependência já existente). 

E sem querer os desenvolvedores já começam a criar novos desafios para o sistema da Apple: quem vai processar os pagamentos dos criadores no novo Super Follow do Twitter?

LEI E ORDEM (1)

A operadora Claro está sendo processada pelo governo brasileiro no caso do 5G DSS – as entidades reguladoras e a operadora dizem que é 5G mesmo, a gente fala que é truque de marketing criativo, o governo afirma que é enganação.

LEI E ORDEM (2)

A discussão sobre o direito de reparar eletrônicos segue nos Estados Unidos, sejam iPhones ou máquinas de sorvete do McDonalds.

Enquanto isso, o Chile debate a proibição da obsolescência programada dos eletrônicos de consumo (!). 

NOS SMARTPHONES DE 2022

A Samsung anunciou o ISOCELL HP1, seu primeiro sensor para câmeras de telefones com resolução de 200 megapixels, com promessa de alto nível de detalhe e desempenho em condições de baixa luz. Deve ser usado na família Galaxy S22, que pode sair (ou não) em janeiro. 

E a Qualcomm falou sobre o aptX Lossless, tecnologia capaz de levar qualidade de áudio de CD (16-bit, 44,1kHz) em transmissões Bluetooth. Vai fazer parte da plataforma Snapdragon Sound, anunciada este ano pela companhia.

FUTURO NO VALE

A LG planeja abrir um centro de inovação no vale do silício, com uma competição para acelerar startups de veículos elétricos e casa inteligente. A Samsung tem uma iniciativa parecida que o Henrique visitou em 2019.

DEU NA TELHA

Conta de energia cara, alternativas solares começam a aparecer aos montes no mercado brasileiro – agora é a vez da Eternit lançar telhas solares.

BUATCHY

A Philips Hue se uniu ao Spotify para sincronizar luzes com playlists.

TIMES NEW ROMAN

A linha de TVs The Serif, da Samsung, foi lançada no Brasil esta semana – e é muito bom ver um televisor que não precisa ficar pendurado na parede.

O cachorro não vem junto com a TV, que combina com sua casa se ela for elegante (Samsung/Divulgação)

ANALÓGICO

Saiu (nos EUA) uma nova câmera Polaroid, chamada de Now+, com filtros para colocar na lente e integração com smartphone que ajuda a controlar os ajustes antes das fotos.

COMPANHEIRO

A Dell lançou no Brasil um monitor externo portátil – basta conectar a uma porta USB-C do seu notebook para ter mais área de trabalho. Mas é bem caro, porém: o preço sugerido no lançamento é de R$ 2.890.

Caro, bonito e aquele tipo de coisa que a gente pensa em comprar pra depois achar utilidade (Dell/Divulgação)

NÚMERO 2

Desafio: passar setembro todo sem levar seu smartphone junto na hora de ir ao banheiro. Falhamos antes de ler essa matéria.

ACHADOS AMAZON DA SEMANA

CULTURA DIGITAL

ONLINE E MUTANTE

Tem algo curioso ocorrendo na China – podem ser movimentos separados e independentes ou parte de um plano maior que não conseguimos ver ainda. A primeira é a limitação de três horas de jogos online por semana para menores de 18 anos – sim, uma hora de jogatina na sexta, mais uma no sábado e outra no domingo, bônus nos feriados nacionais. Empresas como Tencent e Alibaba terão de ajustar seus sistemas para checar a identidade real dos gamers. 

Mas não para por aí. Tem um bloqueio de termos LGBTQIA+ no QQ, um dos apps de chat mais populares na China. Como resultado, a frase “Use a internet de maneira civilizada. Diga não à informação danosa” aparece para a maioria das buscas (e também em pornografia).

E também a ameaça de banimento nas lojas online (como AliExpress) para quem vender produtos piratas e uma nova legislação sobre “trabalho flexível” (leia-se entregadores, motoristas e o mundo em torno dos apps de entrega/transporte).

HOMEM-MÁQUINA

Teoria da conspiração aceitável (pelo absurdo) da semana: Brett Goldstein, que interpreta o mau-humorado Roy Kent, está sendo acusado (?) de ser um personagem feito em computação gráfica. A falta de reflexos na pele e brilho nos olhos são alguns dos motivos da piração que começou no Reddit ainda na primeira temporada da série e agora chegou ao Twitter.

Goldstein comentou a acusação com um vídeo no Instagram… com seu Memoji falando coisas interessantes sobre o absurdo. E já tem mod do AFC Richmond para o Fifa 21. Queremos mesmo é uma jaqueta do time.

Roy Kent: Será de carne e osso ou apenas desejo de programadores? (Apple TV+/Divulgação)

A CADA DIA UM TROUXA

Se separa do seu dinheiro, desta vez no valor de 244 mil libras esterlinas usadas para pagar por um NFT de Banksy… falsificado. Mas como o mundo é um lugar cheio de gente pura, o dinheiro foi devolvido.

BASTIDORES

O NYT traz números e informações sobre o misterioso e milionário contrato do Facebook com a consultoria Accenture, que é responsável por parte da moderação de conteúdo na rede social.

CARONA

Pelo menos o Facebook ajudou 175 afegãos a sair do país e chegar ao México – entre eles, alguns funcionários da rede social. 

BORRACHA (1)

Em nome da moralidade, o eBay baniu a venda de itens da história queer por classificar como ˆmateriais orientados à sexualidade”. Gilead que chama, né?

BORRACHA (2)

O Twitter pretende aumentar as opções de privacidade para os usuários, incluindo a capacidade de arquivar tweets antigos depois de certo tempo e limitar a visualização dos seus likes (para gente como Marcelo de Carvalho não usar mais a desculpa do “foi hacker” ao ser pego dando like em sacanagem).  A rede também anunciou a chegada (limitada) do serviço de assinaturas Super Follow (e, quem sabe, a capacidade de dar gorjetas aos criadores usando Bitcoin).

D’KARDAMELIOS

Charlie Damelio, uma das maiores TikTokers do mundo, e sua família serão estrelas de um reality show. Cada década tem os Kardashian que merece. 

DESCANSE EM PAZ

Morreu esta semana o pequeno Tomii, youtuber chileno vítima de um tumor cerebral aos 11 anos. Foi daqueles casos que a comunidade gamer ajudou o garoto a crescer em inscritos – chegou a 10 milhões (as contas latinas que a Interfaces segue estavam desoladas no dia).

VALE A PENA VER DE NOVO

Voltou à pauta do governo federal a questão se os streamings devem pagar ou não imposto de fomento ao cinema nacional. Mas só depois do feriado o tema entra em discussão no congresso.

Em tempo: se o Serpro for mesmo privatizado, inúmeras bases de dados do GovData (meu, seu, nossos) vão cair nas mãos da iniciativa privada – e seu futuro é incerto.

GAMES

ESTOURA-BANDA

Jogar consome uma banda considerável da internet, o que torna os games modernos um grande desafio para quem não tem conexão super rápida. Uma pauta interessante se pensarmos no acesso a internet no Brasil e a explosão de streamers e jogadores no país.

I’LL BE BACK

A Justiça ordenou o desbloqueio do perfil do Gamer Antifascista pelo Twitter. A plataforma deverá pagar uma multa caso não cumpra a determinação.

ARRESTED FIRE

Prenderam os suspeitos de sequestrar Crusher Fooxi, pro-player de Free Fire.

GRANDE DEMAIS

Quando uma plataforma cresce muito logo chegam os problemas – é o que já vimos com YouTube, Facebook, Instagram, Orkut… e agora com a Twitch, que segue com uma treta nova a cada dia. Agora streamers americanos cobram posições sobre as “Hate Raids”, invasões em massa dos perfis propagando ódio. A ideia é começar com manifestações, como “apagões”, ficando um dia sem streamar.

O próximo passo pode ser uma debandada (alguns já trocaram a plataforma pelo YouTube, ou Facebook), mas será que a Twitch chegou naquele ponto de grandeza em que os problemas – por maiores que sejam – não chegam a derrubar a empresa? Vide YouTube que tem todo tipo de problema mas segue lá – algum efeito teve.

LEITURAS LONGAS

QUATRO TEXTOS ALEATÓRIOS

  • O que passa na cabecinha do seu bicho de estimação?, no NYT
  • A história do pixel (o pixel, não a Pixar), na Aeon
  • Tendência: fotos de grávidas junto a caminhões, na Mel Magazine.
  • E a história do beijo, na BBC

NOVAS NEWSLETTERS

UMA DISCUSSÃO INTERESSANTE

Sobre a relação de jornalistas, influenciadores e grandes marcas de tecnologia que manipulam o discurso para o caminho desejado.

STATUS x INFLUÊNCIA

Dois casos distintos do poder da internet na vida das pessoas. Na Wired, a streamer Pokimane e como ela construiu sua persona online pensando no futuro.

No G1, Jessica (a do meme) sofre com depressão depois de ser a pessoa da vez naquela semana na web – pesado e interessante para se pensar no setembro amarelo.

CONECTADOS

Na Rest of World, como o smartphone se transformou em uma janela para o mundo e também uma arma perigosa para os cadetes militares na Coreia do Sul.

TECHBIZ

VEM DE ZAP. NÃO, ESPERA

Só 7% dos brasileiros que usam WhatsApp habilitaram a função de pagamentos. Motivos? Pix, claro, e apenas poder usar cartão de débito (que aos poucos vai deixar de ser usado por conta também do Pix) – ainda mais agora com Pix Troco e Pix Saque a caminho.

SEM FRAUDE

A 99 passou a validar informações de passageiros com um quiz antifraude para passageiros, desenvolvido pela Serasa Experian. Agora os passageiros terão uma espécie de nota que indica seu nível de confiabilidade. 

UNICORNO

Proposta indecente: parar de chamar todas as startups unicórnio (com valor de mercado acima de US$ 1 bilhão) e dar um passo além para algumas, chamando-as de dragões (mas só aquelas com valor acima de US$ 12 bi).

Este post contém links de associados para a Amazon Brasil. 
Caso você compre algo, Interfaces pode receber uma comissão.

INTERFACES circula por e-mail toda sexta-feira de manhã. 

Para assinar, clique aqui.