Galaxy Buds+: 1 ano depois, um problema fácil de resolver

Galaxy Buds+: 1 ano depois, um problema fácil de resolver

RESUMO

Um ano depois, os Galaxy Buds+ seguem bons, mas os meus apresentaram um problema comum: um dos lados parou de funcionar. Saiba como resolver.

Desde o anúncio do Galaxy S10, a Samsung lança junto ao seu smartphone principal um par de fones true wireless. Já tivemos o Buds (2019), o Buds+ com o S20 e o Buds Live com o Galaxy Note 20 (2020) e agora o Buds Pro. Também não podemos esquecer do Gear IconX, o pioneiro nessa categoria para a marca em 2017 – mas esse era mais um MP3 player/rastreador fitness que apenas fones TWS.

Tenho um par de Galaxy Buds+ desde o ano passado e uso como um dos fones principais de casa (alterno com os Buds Live e os PowerBeats Pro). A qualidade de som segue boa, a bateria ainda aguenta horas de uso antes de voltar para a caixa.

Apenas um detalhe estético: como os fones são brancos, a borracha no contorno do fone (que serve para apoiar melhor no canal auditivo) ficou um pouco amarelada, mas quase imperceptível (era da cor da borracha que entra no canal, que fica menos exposta no estojo quando guardada). Boa notícia é que agora, com a chegada dos Buds Pro, tanto os Buds+ quanto os Buds Live estão com preços menores no varejo.

Galaxy Buds+
Ano passado essa parte central do fone não estava amarelada. Mas é detalhe.

Mas esbarrei em um problema comum aos três modelos (Buds, Buds+, Buds Live): do nada um dos fones simplesmente para de funcionar, apesar do estojo indicar que a carga está completa.

No meu caso, foi o lado direito.

Galaxy Buds não funcionam: como resolver

Ao abrir o app Galaxy Wearable no Android, os Buds+ aparecem assim:

É possível resolver a questão sem precisar transformar seus Galaxy Buds+ em um peso de papel portátil. (obrigado @roniuj e povo do Technologic que achou a solução no Reddit após mais de um fone da turma apresentar o problema)

  1. Carregue o estojo com os dois fones dentro até a luz externa ficar verde.
  2. Abra o estojo e remova o fone que está funcionando.
  3. Com o estojo aberto, remova o fone que travou. Deixe o fone que funciona fora do estojo.
  4. Ao colocar o fone travado no estojo novamente, preste atenção: o LED interior vai ficar vermelho (que significa que está carregando) e, em instantes, verde (carga completa).
  5. Para corrigir o problema, é preciso realizar uma tarefa manual repetitiva: levante o fone problemático do conector. Reconecte, a luz vai ficar vermelha ao encostar e depois verde muito rápido. Repita o processo até a luz ficar vermelha por mais tempo / a luz verde não acender.
  6. O período necessário para fazer isso? Depende. Eu fiz umas 7 vezes, aí ficou vermelha. Depois de meia hora, testei a conexão e nada dos Buds+ aparecerem conectados. Esperei mais um pouco (só com o fone direito na caixa ainda), fui almoçar, voltei depois de 1 hora. Está funcionando normalmente.
  7. Se o problema voltar, repita o passo 5.

Quando terminei de fazer isso, o Galaxy Wearable mostrou que tinha uma atualização disponível. A conferir como vai se comportar.

Encaixa, desencaixa, põe, tira até esse LED vermelho ficar consistente
Escrito por
Henrique Martin