Gadget do dia: HTC One Mini

Gadget do dia: HTC One Mini

RESUMO

Se você não consegue ganhar dinheiro direito com Android, copie as ideias de quem ganha: o HTC One Mini é uma versão reduzida do superfone HTC One (onde será que eu vi esse conceito de “mini” antes mesmo?)

Se você não consegue ganhar dinheiro direito com Android, copie as ideias de quem ganha: o HTC One Mini é uma versão reduzida do superfone HTC One (onde será que eu vi esse conceito de “mini” antes mesmo?)

Segundo a HTC, o One original “está disponível em 181 países e 583 operadoras em todo o mundo” (menos no Brasil, de onde os taiwaneses não entenderam o mercado local e pularam fora). O que dá a entender é que existe interesse do consumidor no aparelho, mas nem todo mundo quer uma tela grande (4,7″) e por isso criaram o HTC One Mini, com tela de 4,3″ e configurações mais simples que o irmão maior.
htc-one-mini-silver-en-slide-04

O One Mini, com o mesmo corpo em alumínio, usa um processador Qualcomm Snapdragon 400 dual-core de 1,4 GHz (o 400 é o novo Snapdragon “de volume”), tem 1 GB de RAM, 16 GB internos (sem expansão), roda Android 4.2 “Jelly Bean” com a interface Sense 5 e a mesma câmera de 4 megapixels com a tecnologia “UltraPixel” (pense no Nokia PureView simplificado).

Sai em agosto em “mercados selecionados” e em setembro no resto do mundo (menos no Brasil), sem preço divulgado ainda.

Escrito por
Henrique Martin