Experiências com apps: dando truque no Samsung Health

Experiências com apps: dando truque no Samsung Health

Para o aplicativo Samsung Health, eu já dei mais de 480 mil passos até a última sexta-feira (6). Só que não foram nem 100 mil passos ainda no mês de março.

Me lembrei depois que usei um aplicativo para esse pequeno fato curioso acontecer e me colocar, apenas naquele dia, entre as 26 pessoas que mais deram passos na comunidade de mais de 900 mil cadastrados.

O problema

O app Samsung Health é a central de exercícios dos smartphones da marca: conta seus passos, permite acompanhar exercícios e tem desafios globais mensais. Se você usa um relógio conectado (como o Galaxy Watch Active 2), a sincronização de dados é automática, caso contrário o app usa os sensores de movimento do smartphone para contar passos.

Uma das opções do Health se chama Together, e é uma plataforma gamificada (argh) para fazer você desafiar seus amigos que usam o app para competir em número de passos – chamado desafio 1:1 – e participar do desafio global mensal, cada mês com um nome diferente (selva, neve, iglu, spa, chá verde, brócolis e por aí vai). A meta do desafio é bater 200 mil passos por mês.

O bom é que sempre estou testando smartphones diferentes, e o Health não é restrito apenas aos aparelhos da Samsung – tem versão até para iOS.

Mas o Samsung Health tem um problema: se você usa outro smartwatch que não seja da Samsung, não tem como sincronizar dados com o relógio e nem com outros apps.

Eu uso o Huawei Watch GT2, que conversa com o Huawei Saúde para gerenciar os dados de exercícios e caminhadas e também sincronizar o relógio. O Huawei Saúde permite sincronizar dados com o Google Fit (e também com o MyFitnessPal, da Under Armour).

Vale notar que as contagens de passos são totalmente diferentes nos apps, levando a situações em que, por exemplo, os números no final de um dia ficam assim, hipoteticamente falando:

  • 15.600 no Huawei Saúde medindo passos com o Watch GT2.
  • 15.200 no Google Fit (que conta passos também).
  • 14.800 no Samsung Health.

Nem vou comentar a contagem de calorias, que é totalmente diferente entre os três apps e eu ignoro.

Descobri uma alternativa

Outro dia tive uma pequena ideia: será que tem como sincronizar à força os dados do Google Fit para o Samsung Health, mesmo sem suporte oficial? Para minha surpresa, existe um app para isso: Health Sync.

Ele tem uma versão gratuita de testes de 1 semana, depois é pago (R$ 10,99 para uso ilimitado). Assinei e coloquei para sincronizar no dia 26 de fevereiro e… me esqueci dele instalado no Galaxy S10+.

E veio o susto

Sexta-feira saí para correr no fim da tarde. Estava acompanhando o desafio Selva do Samsung Health (a cada número de passos relacionado ao número de dias ele te dá uma estrela de prêmio, e eu estava próximo da segunda estrela do mês) e, ao abrir o app no Motorola G8 Power, vejo a mensagem abaixo:

Me alonguei, fiquei pensando (“como assim estou entre os primeiros 1%? O app está doido?”), entrei no banho, lembrei: foi o Health Sync que sincronizou todos os dados do passado (e segue sincronizando) e… bingo!

Claro, dá para entender que tem um bug aí de processamento de datas (eu uso o Google Fit desde… 2015?) e eu tive meus números inflacionados um pouquinho.

Antes de começar a escrever este post, vi que o número de passos continua crescendo por conta da sincronização (no final de semana, foram uns 25 mil passos) e sigo entre os 1% dos usuários de Samsung Health no mundo – ainda que de mentirinha.

No final do dia, o Health Sync funciona, mas joga o passado todo para o presente.

Em tempo: o Huawei Saúde tem algum problema com os smartphones da Motorola e não instala de jeito nenhum no Moto G8 Power – ele pede a instalação dos Huawei Mobile Services, que já estavam instalados no aparelho, mas ignora sua existência. Ou seja, na sexta-feira eu usei o relógio da Huawei para medir tempo/batimentos cardíacos/distância durante a corrida, mas não sincronizei os dados até chegar em casa e pareei o relógio com o Galaxy S10+.

Escrito por
Henrique Martin
1 comentário